NOTÍCIAS
 


SANTANDER ASSALTA NOVAMENTE DIREITOS DOS APOSENTADOS

O Banco Santander usando novamente da sua proverbial  truculência e desrespeito às leis brasileiras resolveu suprimir direitos dos aposentados.

Neste ano a Convenção Coletiva celebrada entre banqueiros e bancários estabeleceu um  índice de 8 % de reajuste mais um abono no valor de CR$ 3.500,00 para todos os bancários no país.

Os aposentados do Plano V –  Grupo 2 do Banesprev, que tem suas complementações reajustadas  de acordo com as Convenções Coletivas,  fazem jus a esse reajuste e ao abono em virtude de não terem optado pela cláusula 44 do Acordo Coletivo de Trabalho de 2004/2006.

No entanto, o Banco Santander, mostrando suas garras e ganância ilimitada, recusa-se a pagar o abono sem apresentar suas razões para mais esse atentado contra os aposentados.

Por outro lado é óbvio que o índice de 8% mais o abono de R$ 3.500,00 constituem-se em reajustes destinados a repor perdas de poder aquisitivo em virtude dos altos índices inflacionários, devendo ser pagos a todos os aposentados.

A AFABESP, cumprindo o seu dever de defender incondicionalmente os aposentados, já está estudando medidas judiciais, que podem significar milhares de ações espalhadas por todo o Brasil, destinadas a reparar mais essa indignidade cometida contra nós pelo banco.

Na próxima reunião do Comitê Gestor do Plano V do Banesprev, nossos representantes apresentarão uma manifestação contra essa atitude truculenta do Santander como meio de registrar em ata e documentar nossa inconformidade.

Ao mesmo tempo, fazemos um apelo às entidades sindicais que negociam o Acordo Coletivo existente com o Santander, para que não permitam mais esse roubo contra aqueles  que já cumpriram o seu dever – OS APOSENTADOS.







voltar-----home